Humanos

Eleitores dão bebida alcoólica a tatu-bola durante comemoração no Brasil

Eleitores deram bebida alcoólica para um tatu-bola durante a comemoração do resultado das eleições do último domingo, 15, em Caridade, no Ceará, cidade que Simone Tavares (PDT) foi eleita prefeita. O município tem pouco mais de 22 mil habitantes. A Polícia Civil investiga maus-tratos sofridos pelo animal. Os registros em vídeo foram compartilhados nas redes sociais.

Eleitores dão bebida alcoólica a tatu-bola durante comemoração
De acordo com a Secretaria da Segurança Pública, a Delegacia Regional de Canindé investiga caso e já identificou a mulher que aparece no vídeo segurando o tatu-bola.

Fernando Moretto Nachtigall, titular da delegacia, contou ao G1, que a polícia tomou conhecimento do caso na noite de segunda-feira, 16, após os diversos compartilhamentos de imagens do caso. “A gente já identificou todos os responsáveis, todos eles vão ser conduzidos a essa delegacia, ouvidos e responsabilizados pelos seus atos”, afirmou o delegado.

Eleitores dão bebida alcoólica a tatu-bola durante comemoração

Crédito:instagram
Outros eleitores também foram vistos segurando, balançando e dando bebida alcoólica ao animal enquanto comemoravam o resultado da eleição. Sinome Tavares, a prefeita eleita, não se manifestou sobre o caso até o fechamento desta reportagem.

Na internet, a ativista pelo direito dos animais, Luisa Mell compartilhou o vídeo do tatu-bola sendo mal tratado, em seu perfil do Instagram. “É tanta maldade que me faltam palavras. É doentio que alguém ache isso engraçado”, afirmou ela na legenda da publicação.

https://www.instagram.com/p/CHs_FCUHpOs/

Maus-tratos aos animais
Maus-tratos aos animais sempre existiram. Felizmente, as redes sociais potencializam a discussão desse crime na sociedade e fazem repercussão a essas atrocidades, facilitando com que casos recentes sejam finalmente julgados. Mas quais atitudes são consideradas maus-tratos aos animais?

Além da violência, existem outras ações às quais cabem punição. São elas:

Abandono;
Agressões físicas, como: espancamento, mutilação, envenenamento;
Manter o animal preso a correntes ou cordas;
Manter o animal em locais não arejados – sem ventilação ou entrada de luz;
Manter o animal trancado em locais pequenos e sem o menor cuidado com a higiene;
Manter o animal desprotegido contra o sol, chuva ou frio;
Não alimentar o animal de forma adequada e diariamente;
Não levar o animal doente ou ferido a um veterinário;
Submeter o animal a tarefas exaustivas ou além de suas forças;
Utilizar animais em espetáculos que possam submetê-los a pânico ou estresse;
Capturar animais silvestres.

DENUNCIEM

Facebook Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *